A HISTÓRIA DA SABA


A Sociedade dos Amigos do Balneário de Atlântida - SABA, fundada em 17 de fevereiro de 1962, é uma associação civil, com personalidade jurídica de direito privado, sem fins econômicos e de duração por tempo indeterminado, constituída pelo seu quadro associativo e patrimônio distinto do de seus associados, com sede, à Av. Central nº5 no Município de Xangri-Lá, Estado do Rio Grande do Sul, República Federativa do Brasil.

1951

Em 11 de julho, o Balneário de Atlântida teve seu início através do lançamento do "Loteamento Atlântida".

1955

Em 19 de fevereiro, surge a APC - Atlântida Praia Clube -, com a finalidade de proporcionar o bem-estar dos veranistas.

1962

Em 11 de fevereiro, veranistas dissidentes, liderados por Sizenando Venturini, resolvem fundar a SABA - Sociedade Amigos do Balneário Atlântida.

Formada a comissão e realizada a Assembléia Geral, o Estatuto foi publicado em 20 de março e registrado em 15 de maio no Cartório de Registro de Imóveis de Osório.

1965

Com o enorme crescimento da SABA, a APC resolveu fechar a sua sede e em 15 de dezembro propôs fusão com a SABA.

1970

Após vários estudos e debates, em 14 de fevereiro foi aprovada em Assembléia Geral a fusão das duas Sociedades.

Neste período a SABA passou por várias fases com muitas obras e realizações.

Hoje o patrimônio da Sociedade é muito significativo, constando de sedes magníficas. - Uma sede social a beira mar, reformada e bem estruturada. - Uma sede campestre, um verdadeiro complexo de esportes e lazer. - Uma sede administrativa em Porto Alegre.

Tudo isso construído com muito zelo para satisfazer ao Associado.